Notícias

08/02/2019

Jandaia do Sul busca na SEDU apoio técnico e financeiro a prioridades da população

Representantes de Jandaia do Sul estiveram nesta semana em reunião com o diretor-geral da Secretaria do Desenvolvimento Urbano (SEDU), Francisco dos Santos, o Chico. No encontro, foram tratados os temas de maior interesse do município. Eles pediram  apoio financeiro e técnico para viabilizar  prioridades como o Plano Diretor, o Cadastro Técnico e o Georeferenciamento de Jandaia do Sul, instrumentos que identificam e organizam informações socioeconômicas e sobre o território para a tomada de decisões e, ainda, para a criação políticas públicas. “Contar com esses dados é indispensável para a boa gestão dos recursos públicos. Informações consistentes criam as condições para a melhor tomada de decisão por parte dos gestores públicos”, disse Francisco dos Santos.

 

O diretor do departamento de Cultura de Jandaia do Sul, Nilson Lopes Andrade, defendeu a necessidade da participação dos técnicos da SEDU, além do apoio financeiro, como forma de agilizar os trabalhos. Argumentam que acrescentam qualidade aos documentos que serão produzidos. “No caso do Plano Diretor, haverá a atuação de especialistas da Universidade Estadual de Londrina, além dos técnicos da SEDU. Teremos, assim, os melhores resultados”, comentou. Ainda participaram do encontro a diretora do Departamento Jurídico, Maria José Heckert Mello, e o vereador Rodrigo Vanoni Alberton.

 

No encontro, o grupo também falou a respeito das ações com potencial para transformar Jandaia do Sul, social e economicamente. É o caso da construção do Campus da Universidade Federal do Paraná – UFPR. A entidade já atua no município há cinco anos em edifício da Faculdade de Jandaia do Sul – Fafijan. “A Prefeitura fez a doação do terreno e a terraplenagem está pronta. Agora é aguardar a liberação dos recursos federais para a construção dos prédios”, informou Maria José Heckert.

 

Outras atividades potencialmente fortes para a geração de renda no município vêm da agricultura. Jandaia do Sul se destaca pela qualidade da sua uva e pelo menos uma instituição, a Cooperativa dos Viticultores de Jandaia do Sul - Cooperviti - estuda a produção de vinho. A cultura da pitaia, por exemplo, abre novas oportunidades para os mais de 40 produtores envolvidos na produção. “O município se esforça também na divulgação das formas de consumo da fruta com a participação em Feiras Regionais, em estantes de degustação, onde são oferecidos pratos como o strogonoff de pitaia e o licor feito com a fruta, de um lindo colorido”, diz Heckert.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.